Denomina-se “Movimento Espírita” ao conjunto de pessoas que estudam, professam, divulgam, e praticam, o Espiritismo, consoante os ensinamentos contidos na Codificação Espírita, traduzida para 36 idiomas, correspondentes ao número de países que, juntos ao Conselho Espírita Internacional (CEI), fazem-no se mover através de Encontros, Simpósios, Congressos, etc. 

 

Estatisticamente o Brasil é o país com o maior número de espíritas e o de movimento mais vigoroso se comparado ao de outras partes do mundo, como Europa, América Latina, e América do Norte. Já estamos nascendo na Polônia, Hungria, Bulgária, Japão, e Suécia, graças aos esforços de alguns espíritas brasileiros que lá residem e que têm convidado os nossos oradores a irem lá pregar. Nesse sentido os livros espíritas básicos – os de ALLAN KARDEC – são fundantes, junto aos demais tidos como suplementares,

tais os dos Espíritos EMMANUEL, JOANNA de Ângelis, ANDRÉ LUIZ, etc.

 

MOVIMENTO ESPÍRITA